Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Em nome do Pai

Paternidade na ótica do utilizador.

Em nome do Pai

Paternidade na ótica do utilizador.

Blog Out # 4 Parque do Marmeleiro (Cascais)

Cá em casa não somos adeptos de desporta, com muita pena nosso e algum desgosto. Individualmente não gostamos de nenhum desporto e, depois de acabar o 12º ano e da disciplina obrigatória de Educação Física, nunca mais frequentámos qualquer tipo de desporto. Eu assumo, inclusive, que nunca aprendi a andar de bicicleta, para que se veja a desgraça da situação. 

 

A nossa filha não é uma criança extremamente física mas, na escola que frequenta, tem desporto curricular quatro vezes por semana entre expressão psicomotora, esgrima, dança, patinagem e ginástica. Também tem expressão dramática que acaba por ter uma componente física daí que, desde que esta rotina académica se instalou acabámos por incentivar a Ana a treinar e a complementar as apren0 dizagens motoras também no espaço da família. 

 

Entretanto, a minha mulher lesionou-se gravemente e acompanha-nos como cheerleader a ver-nos subir paredes de escalada ou espera-nos no carro a ouvir música e ler um livro enquanto eu e a Ana fazemos pequenas caminhadas, trilhos e alguma marcha. 

Eis a nossa primeira sugestão de trilho para famílias com crianças com marcha autónoma ou parapais corajosos que gostem de usar um bom marsúpio e testada cá em casa:

 

TRILHO PEDESTRE RIBEIRA DAS VINHAS - PARQUE DO MARMELEIRO

 

Ponto de partida: mercado da vila de Cascais.

 

Segue-se pelo renovado circuito pedonal da Ribeira das Vinhas (que tem início numa espécie de vale- o vale da Ribeira das Vinhas nas traseiras do Mercado da Vila- ainda em paisagem urbana e no meio de prédios) até chegarmos ao Miradouro do Parque das Penhas da Marmeleira, em Murches, já uma paisagem completamente enquadrada no parque natural Sintra-Cascais.

 

trilho.jpg

 

Normalmente não fazemos ida e volta porque a Ana acaba por se cansar e quer ficar a brincar no esplêndido e pouco divulgado parque infantil do Parque das Penhas da Marmeleira, onde temos sempre picnic e boleia providenciadas pela mãe ou pela avó. 

 

Trata-se de um percurso que junta paisagem ubana, campo (saloia) e montanha, de dificuldade bastante fácil, sendo  apenas a subida ao miradouro, à chegada do Parque das Penhas da Marmeleira, exige um acréscimo de esforço. 

 

A careja no topo do bolo, ou melhor, o pote de ouro no fim do arco-íris é o fantástico parque infantil do Parque das Penhas da Marmeleira, quase sempre com uma ou duas crianças e com uma dinâmica de atvidades sensoriais muito giras(a Ana delira!)

parque.jpg

 

parque.jpg

parque 2.jpg

 

 

A reter:

 

Distância estimada- 6 km

Equipamento exigido- roupa de desporto e calçado de desporto adequado (boné é sempre essencial porque mesmo em dias encobertos em Cascais o sol faz sempre uma gracinha) 

Cantil de água

Não é necessário o uso de bastão

 

Divirtam-se!