Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Em nome do Pai

Paternidade na ótica do utilizador.

Em nome do Pai

Paternidade na ótica do utilizador.

Desafios do pai #2 - Construir um livro sensorial para o filho bebé

Cá em casa sou o progenitor com jeito para trabalhos manuais.

 

Um dia destes, em arrumações, cruzei-me com um simples e despretensioso livro sensorial que fiz para a minha filha, teria ela um ano e meio a dois anos.

 

A ideia era trabalharmos as questões sensoriais (as folhas eram lisas, o papel de lixa era áspero, o papel de prata era frio, o feltro era quente, o algodão era fofo e a pedra era áspera) e lembro-me que a Ana gostava especialmente de o folhear comigo e de sentir as diferentes texturas.

14250854_lbrZI.jpg

 Nestas coisas dos livros sensoriais,o limite é a imaginação de cada um mas fica aqui a sugestão cá de casa.   

 

Quem já construiu livros sensoriais para os filhos? Mostrem-nos!  

 

(Partilhem na página de facebook do "Em nome pai" ou no instagram com os hashtags #desafiosdopai ou #emnomedopaiblog )